Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

The name is Mia

Por uma sociedade livre de cinismo

The name is Mia

07
Nov18

E porque gosto de saber tudo....

Mia

Sim, gosto de saber tudo, respondam lá a este questionário, sim ??? Please

O que é que gostam mais de ler no blog, ummm? ummm?

Se são as minhas parvoeiras, se são os sex toys, se gostam de ler as histórias de pessoas reais que vou partilhando, se gostavam de ler contos eróticos. Contem-me tudo!

 

Clica na imagem e responde ao questionário

Mia

 

 

 

 

 

08
Out18

Nenna Joine

Mia

 

 

nenna_joiner-of-feelmore_hi_res.jpg

 

 

 Encontrei a história de Nenna Joine aqui . É dona de uma sex shop em Oakland na California, a loja chama-se Feelmore.

Não é uma sex shop qualquer, é uma loja que dá voz ao corpo, identidade ao género e contexto á raça. Ou seja nesta loja, não se vê os artigos empilhados em caixas. Segundo ela os corpos perfeitos nas imagens das caixas influenciam-nos de modo negativo quando tomamos conhecimento da nossa realidade corporal. Então os produtos estão expostos sem caixas, como decoração. Nesta loja existem  também muitos e variados livros e artigos que não se encontram em outras sex shops.

Diz que não é uma dona de loja que te ajuda a encontrar o ponto G, mas sim alguém que promove o bem estar, o positivismo em relação ao nosso corpo e que também ajuda a ultrapassar os nossos medos. (go girl!)

No artigo fala também em ter um daqueles carros de venda de comida, mas em vez de vender cachorros quentes irá vender sex toys. Em portugal nem deve de existir licenças para uma coisa destas !

No fim diz uma frase fantastica ..."We will continue to strive towards this unique opportunity until we take flight and sell our first vibrator in an airport!" Um dos maiores receios é irmos de viagem e numa revista á mala, saltar o belo do vibrador. Éra realmente fantástico que a industria das sex shops vende-se nos aeroportos.

 

O lema da loja é “It’s More Than Just Sex.”

 

 

 

Mais lojas assim em Portugal please!

 

18
Jul18

Kit férias sexy

Mia

 

Aqui vai um kit para as férias, Toda a gente tem receio de dar nas vistas com os brinquedos sexuais, toda a gente tem vergonha, não devíamos mas temos. Nada pior do que ter as malas revistadas e ... o belo do vibrador á vista de toda a gente. 

Não devíamos de ter vergonha, mas a sociedade ainda não está preparada. Vai mudar, á 50 anos era uma vergonha comprar tampões no supermercado da esquina, era porque já não eram virgens. Verdade.

 

Mas porque sei que existem muitas que não levam os brinquedos por vergonha vai aqui um kit de brinquedos mais ou menos discretos, pensado para mulheres, desculpem lá homens.

 

Primeiro o lubrificante, se vai na mala de mão, não esquecer que só pode ter até 100ml.

Como nas férias estamos todos mais relaxados e kinky, sugiro estas pinças magnéticas para mamilos, passam por brincos.

993988-27a.jpg

 

descobri este kit, com um vibrador pequeno, alias nem parece um vibrador, mesmo que calhe a mala a ser revistada, não salta á vista. Levem só o vibrador, esqueçam os acessórios.

E24260.jpg

 

Por ultimo, podem optar por este vibrador, é pequeno, perde-se no meio dos batons.

25940167.jpg

 

 

 

 

 

 

imagens e produtos da sex shop Vibrolandia, e não não é parceria, penas acho que têm um catálogo completo.

 

Have fun!

 

 

12
Jun18

Exageram...nos preços

Mia

mister-cock-logo-151138972410.jpg

 

Vou passar ao lado da questão de existir uma sex shop exclusiva para gays homens...enfim. Vamos passar aos preços, hoje descobri que os lubrificantes no continente também têm uns preços simpáticos em oposição aos preços nas sex shops.

 

Descobri estas cuecas (!) nesta shop. Cuecas? eles chamaram-lhe assim, eu chamo um bocado de elástico a volta da cintura com um anel que puxa os ditos para cima, deve de ser sexy....eu cá gosto das coisas penduradas e a abanicar, mas gostos não se discutem. 17.99€ por isto?

 

jockstrap-addicted-cockring-band.jpg